*Por Eduardo Netto, diretor-técnico da Bodytech

Essa é uma dúvida recorrente de quem treina e quer definir o abdômen, e a resposta é: não existe um tipo de exercício que seja melhor do que o outro para o emagrecimento e a consequente definição da região abdominal.

Tanto os aeróbicos quanto a musculação e os exercícios localizados são de importância vital para esse objetivo.

Os aeróbicos sempre irão promover um maior gasto calórico quando comparado com os anaeróbicos (musculação e/ou exercícios localizados).

Isso porque essas atividades, como a caminhada e a corrida, por serem realizadas com baixa e média intensidades, podem ser executadas por um período mais longo. E, por terem essas características, utilizam o metabolismo aeróbio, para o qual as principais fontes energéticas são as gorduras.

E, além dos abdominais tradicionais (que usualmente são feitos por meio de flexões da coluna) e de suas inúmeras variações, uma nova modalidade vem ganhando espaço entre quem busca a barriga “tanquinho”: o Core Training, método que foi apontado pelo American College of Sports Medicine como uma das principais tendências no universo fitness.

Ao contrário das atividades normalmente realizadas, o método tem o objetivo de estabilizar os músculos que não conseguimos ver.

A região do core compõe o centro de gravidade do corpo, é onde todos os movimentos são iniciados e é responsável por desenvolver potência, manter o equilíbrio e aprimorar a coordenação.

Os músculos dessa parte do organismo também são essenciais na função e no controle da região lombar, tendo importante participação na estabilização da coluna.

Informe-se sobre as aulas de Core Training na sua BT! Bons treinos!