Pílulas anticoncepcionais geram ganho de peso?

//Pílulas anticoncepcionais geram ganho de peso?

Pílulas anticoncepcionais geram ganho de peso?

Os anticoncepcionais orais são compostos por etinilestradiol e progesterona. A quantidade dessas substâncias é diferente em cada tipo de anticoncepcional, alguns com dosagens maiores e outros com dosagens mínimas. O tipo de progesterona também é diferente e possui efeitos distintos. Algumas, por exemplo, ajudam a bloquear os efeitos dos hormônios masculinos e outras possuem efeito diurético. Bom, a partir disso, já conseguimos entender que nem todos os anticoncepcionais são iguais e não podemos generalizar quando falamos dos seus efeitos. ⠀ ⠀

Agora vamos às evidências: o Instituto Cochrane, que é uma entidade séria e sem fins lucrativos, fez uma grande revisão e não encontrou a associação entre o uso de anticoncepcionais orais e ganho de peso em mulheres. No entanto, estudos individuais e menores, como um que foi liberado recentemente duplo cego, comparando dois tipos de anticoncepcionais diferentes em que um grupo usou anticoncepcional com a progesterona clormadinona (ex: Belara) e outro grupo usou um anticoncepcional com a progesterona drosperinona (ex: YAZ) , mostrou uma diferença significativa de peso entre os dois grupos. O grupo da clormadinona ganhou peso e o da drosperinona perdeu peso.

E por que essa diferença acontece? Porque existem diferentes ações entre os anticoncepcionais de diferentes composições. Além disso, não podemos esquecer que, especialmente quando falamos de hormônios, existe a resposta individual de cada organismo. ⠀ ⠀

Sabemos que a progesterona tem um efeito de aumento de apetite e retenção hídrica e algumas mulheres podem ser mais sensíveis a esses efeitos e outras menos. Minha sugestão? Observe o seu corpo.  Sinta o que te faz bem e o que te faz mal e tenha um médico de confiança para avaliar a relação custo benefício desse método para você. ⠀ ⠀ ⠀

Por |2020-01-06T13:16:53-03:0006/01/2020|