As crianças são pura energia e vida. É da natureza delas estar em constante movimento e explorar o ambiente criativo. Por isso, incentivar essa natureza pode ser um grande benefício  para o desenvolvimento da saúde física e mental. As férias do meio do ano acabaram e em um piscar de olhos estamos no mês de volta às aulas, momento importante para planejar a rotina das crianças, os horários e pensar em novas atividades extracurriculares. Mas e a atividade física? Com certeza ela precisa fazer parte da rotina. 

Na Bodytech, valorizamos o bem-estar, a saúde e a segurança de todas as nossas crianças. Atividades como judô, natação, ballet, ginástica artística e capoeira fazem parte da grade e trazem diversão, alegria e muito aprendizado. A hora da aula se torna uma aventura cheia de experiências, que envolvem as crianças, as famílias e os professores. 

Importância da atividade física na infância 

Manter hábitos saudáveis é necessário em qualquer fase da vida vida, mas é na infância que são adquiridos gostos que prezam pela saúde e pelo bem-estar. Pensando nisso, inserir os exercícios na rotina desde cedo possui vários benefícios tanto para o presente quanto para o futuro. Começando pelo desenvolvimento motor, estímulo para adquirir bons hábitos, melhora da postura, incentivo a socialização e equilíbrio do peso corporal, além de contribuir para o aumento da qualidade do sono. 

Crianças ativas são mais saudáveis e serão adultos com menos tendência ao sedentarismo. O esporte torna as crianças mais ágeis e resistentes, pois sua prática regular e variada auxilia na formação neural, já que elas aprendem habilidades motoras diferentes. Além disso, as chances dos pequenos ativos se tornarem adultos apaixonados pelo exercício e com hábitos saudáveis são muito maiores. 

Histórias inspiradoras do time Bodytech

Há grandes exemplos de atletas brasileiros que começaram no esporte desde pequenos e que com foco, dedicação e alegria conseguiram alcançar seus objetivos. Os atletas Bruninho do vôlei, Rebeca Andrade e Flávia Saraiva da ginástica artística são exemplos de atletas que tiveram contato com o esporte desde sempre. Além desses ídolos, podemos citar a mais nova sensação do skate, a fadinha Rayssa Leal, que ganhou medalha de prata pelo Brasil na nova modalidade das Olimpíadas 2020. A menina de 13 anos encantou a todos com sua maturidade, alegria e determinação. “Rayssa está sempre brincando. Ela transmite uma sensação de leveza e prazer quando está no skate. Relaxada, o semblante não mostra nenhuma tensão, ao contrário de outras competidoras. E esbanja afeto abraçando sua companheira Letícia, na torcida por ela, nos cumprimentos carinhosos a outras atletas. É claro que não é só brincadeira e relaxamento. São anos de treinamento, com orientação, seriedade e profissionalismo.” comentou Daniel Becker, pediatra e sanitarista.

O papel dos professores é indispensável em todo processo que norteia o desenvolvimento das crianças. Quando elas são acompanhadas por bons profissionais aprendem muito mais e se dedicam inteiramente à atividade. Na Bodytech também temos exemplos incríveis de professores que já foram atletas. Veja a seguir 3 depoimentos superemocionantes dos nossos educadores físicos.

Ana Sofia Valente, instrutora de Natação da BT Nazaré

“Comecei a nadar aos 5 anos e a partir daí não parei mais. Minha primeira competição foi aos 9 anos e participei de campeonatos estaduais com inúmeras quebra de recordes. Em seguida, fui campeã brasileira e tive a oportunidade de representar o nosso país fazendo parte da Seleção Brasileira de Natação e conquistando minhas primeiras medalhas sul-americanas. Hoje faço o que mais amo: ensinar o quanto é lindo e divertido o universo aquático. Ah e conduzi a tocha olímpica também!

Reprodução Instagram

Milena Barbosa, estagiária Acqua da BT Sudoeste

“Na escola, pratiquei todos os esportes possíveis, coletivos e individuais, do futebol ao xadrez, mas resolvi me dedicar à corrida. Com o tempo, comecei o ciclismo e aprendi a nadar. Entrei no triathlon: foi paixão à primeira vista! Um universo de possibilidades, três esportes em um só! Aprendi a superar desafios, ter disciplina, dar importância apenas ao que é realmente importante, viver mais leve, com qualidade, trabalhar duro e atingir objetivos. O resultado é apenas consequência.”

Reprodução Instagram

José Viégas, instrutor de Judô da BT Città

“Desde muito pequeno sempre fui apaixonado por judô. Meu irmão mais velho já fazia, eu sempre quis, mas minha mãe tinha medo. Aos 9, ganhei na insistência e comecei. Aos 12 já competia no estadual e aos 13 ganhei meu primeiro campeonato. Logo em seguida, uma copa interestadual. De lá pra cá, nunca mais parei! Tive a oportunidade de lutar pela minha escola, meu estado e meu país. Sigo competindo, mas no meio disso tudo, percebi que é importante repassar tudo o que aprendi.”

Reprodução Instagram

Brincar também é se exercitar

Correr, pular, girar e dançar são movimentos que fazem parte das brincadeiras da criançada. Além dos benefícios físicos, os jogos e as brincadeiras promovem a criatividade, a habilidade social, o raciocínio e o controle das emoções. Brincar trabalha valores necessários para as crianças, pois é durante esses momentos que elas se expressam e exercitam a fala. Coragem, desafios, medos e incertezas são sentimentos que elas praticam ao brincar.

Quer saber mais sobre a grade de aulas, horários e valores das turmas kids da Bodytech? Busque aqui pela academia mais próxima e entre em contato com a nossa equipe local.