Marcella perdeu 25kg treinando e abandonando dietas malucas

//Marcella perdeu 25kg treinando e abandonando dietas malucas

Marcella perdeu 25kg treinando e abandonando dietas malucas

A relação com a balança sempre foi uma questão complicada na vida da Marcella El-Deir, de 27 anos. Por muito tempo, ela conviveu com o “eterno” desejo de perder peso e fez várias tentativas através de dietas malucas, que prejudicavam muito seu bem-estar e geravam ainda mais ansiedade e frustração.

No fim de janeiro de 2017, Marcella cansou de passar por isso e decidiu fazer as coisas de um jeito diferente. O primeiro passo foi entrar para conhecer a academia que ficava pertinho do trabalho, a Bodytech Shopping Recife. Ela se matriculou e agora se sente outra pessoa. Marcella fez vários amigos na BT, treina todos os dias, combinando aulas coletivas e musculação, e hoje tem um olhar para alimentação muito mais equilibrado e saudável.

1) Em que momento você começou a ganhar peso?

Não teve uma época em que lembre de não estar acima do peso. Cresci convivendo com o pior tipo de alimentação e com o sedentarismo, sem falar na compulsão alimentar. Tentei todos os tipos de dieta possíveis, mas nunca levei a sério, e sempre desistia de academias logo na segunda semana. Resultado: engordava o dobro do que tinha perdido. Cheguei a só ingerir chás durante um mês 

2) O que te fez mudar?

Há quatro anos, cheguei a pesar 155kg e me vi com dificuldade para respirar até no simples ato de andar. Foi meu primeiro choque de realidade e terminei fazendo um procedimento que me auxiliou a perder 30kgs. Continuei perdendo com algumas dietas malucas e cheguei aos 99kgs. Mas sem exercício e sempre tendo picos de desmotivação. Com o falecimento da minha mãe, acabei engordando 7kgs em menos de dois meses. Esse foi meu segundo choque de realidade.

3) O que você mudou no dia a dia?

Prometi a mim mesma que não ia viver a base de dieta, de uma alimentação pobre, e que ia me cuidar para ser saudável. No dia 30/01/2017, a Bodytech passou a ser meu mundo e aprendi a comer comida de verdade. Abdiquei da farinha branca e dos industrializados que me davam a ilusão de “saúde”. Deixei em 2016 aquela Marcella de dietas e limitações. Com o tempo fui notando os resultados de verdade, não apenas os 20kgs que perdi em um ano, mas meu corpo e minha mente estavam se transformando.

4) Qual a maior dificuldade em manter esse novo estilo de vida?

O início é complicado. Eu treinava uma semana, sentia dores e parava por uns dois dias. Isso tirava o meu foco. Mas então eu recebia um e-mail da BT e uma ligação da professora Virna, então voltava. Com o tempo e a atenção de todos, as dores constantes ficaram no passado.

5) O que mudou na sua vida depois de tantas mudanças?

Tudo! Da alimentação, sem crises compulsivas que me deixavam muito mal disposição, trabalhar, se exercitar e participar de aulas na academia, até as amizades, o meu relacionamento familiar e a vontade de me cuidar mudaram para melhor.

Por |2018-11-07T20:35:44+00:0028/02/2018|

Sobre o Autor: