Lucas Christovam perdeu 36 quilos em 12 meses

//Lucas Christovam perdeu 36 quilos em 12 meses

Lucas Christovam perdeu 36 quilos em 12 meses

Perder peso começou como uma resolução de ano novo para Lucas Christovam, de 31 anos. Mas diferente da maioria, que promete, mas tem muita dificuldade em cumprir, Lucas deu o primeiro passo e não voltou mais atrás. Tudo começou no Réveillon de 2017. Supercansado, estressado e com a autoestima baixa, o advogado decidiu que não ia mais deixar de lado sua saúde e, ainda no dia 3 de janeiro de 2017, se matriculou na Bodytech Tirol, em Natal. Um ano depois, Lucas transformou a resolução em promessa cumprida e hoje pesa menos 36 quilos, está mais feliz e se vê de um jeito muito mais otimista.

Em que momento você começou a ganhar peso?

Eu fazia musculação, mas sempre me alimentei mal. Em 2015, comecei a estudar para concurso, a trabalhar demais e a descontar tudo na comida. As provas e o estresse me geravam muita ansiedade. Para piorar, torci o pé em uma viagem e rompi o ligamento. A atividade física que já era pouca, foi a zero. Engordei nesse processo 20 quilos. Morando sozinho, chegava em casa e comia uma lasanha inteira. Tomava refrigerante quatro vezes por semana, comia hambúrguer sempre quando dava vontade. Doce? Eu comia todo santo dia. Era viciado em chocolate. Minha pressão desregulou e quase precisei tomar remédio.

O que te fez querer mudar?

Eu não estava feliz com o meu corpo de uma maneira geral. Eu ficava cansado, não tinha vontade de sair de casa e não gostava do que via no espelho.

Quais foram as mudanças que você fez no dia a dia?

A primeira coisa que eu fiz foi me matricular na Bodytech. No primeiro mês, já perdi muito peso e fui me animando, até perder os 36 quilos. Mudei radicalmente a alimentação. Cortei refrigerante, as porcarias, os doces. Hoje como em quantidades bem menores e tento sempre acabar as refeições com a sensação de comeria mais um pouco, isso ajuda. Eu me livrei. cabeça do Lucas de antes. Eu gostava de comer em quantidade, bastante. Hoje penso diferente.

Qual é a maior dificuldade em manter esse novo estilo de vida?

O mais difícil é ficar sem comer doce. Eu comia muito doces, de todos os tipos.

O que mudou na sua vida depois de ter emagrecido?

Quando você está fora do seu peso e não está bem com isso, parece que tudo é mais difícil. Mudou tudo. A forma como eu me vejo, minha disposição… Hoje eu consigo ficar o dia todo resolvendo problemas e não fico cansado, tive alta do cardiologista. Não sinto mais sono toda hora e até minhas espinhas sumiram. Estou me sentindo muito melhor!

Por |2018-11-07T20:35:44+00:0005/02/2018|

Sobre o Autor: