O jiu-jitsu é uma atividade que mistura exercícios aeróbio e anaeróbio, uma ótima opção para quem quer melhorar o condicionamento físico cardiorrespiratório e perder peso. Com o acompanhamento de um profissional qualificado, o jiu-jitsu pode ser praticado por pessoas mais velhas. São três os principais benefícios para esse público: força de membros superiores e inferiores usando o peso corporal, estabilização do core, flexibilidade e equilíbrio.

É importante reforçar que não precisa ser treinado para praticar. Com qualquer nível de condicionamento físico é possível experimentar, pois as aulas são progressivas de acordo com a faixa de cada aluno.

Válvula de escape para os problemas do dia a dia

Hoje o estresse é um dos fatores que influencia demais os números de pessoas com hipertensão, diabetes e obesidade. Com frequência recebo pessoas no tatame que conseguem transformar essa realidade com o treino. Um exemplo disso é um aluno meu que passou por momentos complicados em sua empresa, engordou 10 quilos e, após iniciar os treinos de jiu-jitsu, conseguiu emagrecer.  Hoje ele usa as aulas como válvula de escape para as preocupações do dia a dia.

Mas não são apenas os homens que buscam a luta. Cada vez mais, o público feminino está ocupando os tatames.  As brasileiras identificaram a necessidade de dominar alguma defesa pessoa e o jiu-jitsu, por ter um alto gasto calórico e uma grande eficiência em imobilizações e finalizações, está tomando conta deste papel.