Cliente larga o sedentarismo e topa desafio na piscina

//Cliente larga o sedentarismo e topa desafio na piscina

Cliente larga o sedentarismo e topa desafio na piscina

Quem nunca teve a sensação de estar se afastando de si mesmo? Naquelas fases da vida com tantas obrigações e compromissos, abrimos mão do que nos faz bem e nem nos damos conta. Para Isabella Monteiro, esse período durou cinco anos. Ela abandonou a atividade física e deixou o cuidado com seu bem-estar de lado. Mas em 2018, a jovem decidiu se arriscar nas piscinas, descobrindo verdadeiro prazer em nadar.

Foi em uma consulta com um pneumologista que a natação virou uma opção. Isabella se matriculou na Bodytech Santana, em São Paulo, e desde o início se sentiu em casa. “Eu fui muito bem recebida, eu contei que estava parada e comecei com um treino adaptado,” conta. Com o passar das semanas, o fôlego voltou, as crises de asma sumiram e os remédios da cabeceira também.   

A essa altura, ela já nadava entre 1.600 a 1.800 metros por treino e decidiu aceitar o convite da professora Angela Freitas para entrar no desafio Do Leme ao Pontal, da professora Marta Mitsui Izo. A proposta foi a seguinte: nadar 36 km em 20 dias, de segunda a sexta, uma hora por dia. “Fiquei com medo de não conseguir. Precisaria nadar pelo menos 1.800 metros por hora e passar a treinar todos os dias. A verdade é que foi incrível! Cheguei no final do desafio nadando 3.000 metros por hora e com 4 quilos a menos. Sensação de dever cumprido não tem preço”, comemora.

Por fora, o corpo se modificou e ela perdeu 13 quilos. Por dentro, a autoestima foi se construindo e a vontade de encarar o dia a dia já é outra. A melhor notícia é que tudo que aconteceu até agora foi só o começo e os planos são bem maiores. Agora Isabella quer ter a experiência de nadar em águas salgadas. Sua próxima parada é uma travessia no litoral paulista!

Por |2019-06-04T18:35:33-03:0004/06/2019|