Alivie a enxaqueca com a ajuda dos alimentos

//Alivie a enxaqueca com a ajuda dos alimentos

Alivie a enxaqueca com a ajuda dos alimentos

A enxaqueca é um problema neurovascular que influencia muito a qualidade de vida das pessoas, tornando dolorosas tarefas simples do cotidiano, como trabalhar, dirigir ou andar na rua em um dia ensolarado. De acordo com a Sociedade Brasileira de Cefaleia, 15% dos brasileiros sofre de enxaqueca e as mulheres representaram a maioria dos casos. O neurologista Rodrigo Mafaldo afirma que certas escolhas na alimentação estão entre os principais gatilhos das crises.

Além disso, dormir muito ou dormir pouco, a luz do sol e do computador: tudo isso pode favorecer o aparecimento da enxaqueca. Ainda segundo o médico da clínica Leger, as alterações hormonais também são grandes responsáveis por provocarem dores de cabeça nas mulheres. “Vale destacar que você pode ter enxaqueca por duas ou três causas associadas, por isso que, ao consultar o médico, ele pode receitar remédios diferentes para tratar a dor”, ressalta.

Embora o uso de medicamentos reduza a frequência e a intensidade das dores, evitar o consumo de determinados alimentos e incluir outros no cardápio também pode ajudar a prevenir as crises. Nessa matéria você vai ver tudo sobre alimentos que previnem e que causam a enxaqueca. Para tirar dúvidas, nossa equipe conversou com a nutricionista Bruna Xavier.

Quais alimentos podem causar ou intensificar a enxaqueca?

Os mais comuns são: chocolate, queijos, laticínios, frutas cítricas, bebidas alcoólicas (vinho e cerveja), adoçantes como aspartame, sacarina, sucralose, glutamato monossódico, dieta rica em gorduras e carboidratos refinados, cafeína, baixo consumo de água. Porém os gatilhos que desencadeiam as crises variam muito de pessoa pra pessoa, portanto devem ser rastreados de maneira individual.

Além da alimentação, quais outros fatores comuns podem gerar crises?

Inúmeros fatores como: genética, tabagismo, inflamação, alterações hormonais como, por exemplo, no ciclo menstrual, variações climáticas, disfunções do sono, estresse ou ansiedade, desidratação, jejum prolongado, obesidade, pressão arterial elevada, vasoconstrição de alguns vasos cerebrais, uso de alguns medicamentos vasodilatadores e anticoncepcionais.

O que comer para prevenir/amenizar a enxaqueca?

Alimentos com propriedades antioxidantes e anti-inflamatórias e alimentos fontes ou suplementação de Riboflavina (Vitamina B2), Coenzima Q10, Vitamina D, Magnésio e Ômega 3 costumam ter muito eficácia na redução da frequência e intensidade das crises de enxaqueca. Exemplos: aveia, banana, nozes, linhaça, chia, peixes gordos (salmão, atum, sardinha), ovos e abacate. Também devemos lembrar que ter o sono regular, praticar exercício físico e evitar picos de estresse são atitudes importantes em todos os casos.

Por |2020-05-29T13:13:32-03:0029/05/2020|

Sobre o Autor: